Quem sou eu

Minha foto

Olá! Sou professora de Educação Especial da Secretaria Municipal de Educação de Campinas e trabalho com inclusão escolar na rede regular de ensino, desde 2003. Atualmente atuo na Sala de Recursos Multifuncionais, fazendo o Atendimento Educacional Especializado para crianças com deficiência, TGD e altas habilidades no contra turno da escola regular. Sou casada, tenho dois filhos pequenos (meus ruivinhos lindinhos) e um cachorro fofo. Nossa família é cristã e sempre se reúne para orar, ler a Bíblia e fazer estudos bíblicos com as pessoas. Gosto muito de ler, cantar, tocar violão, meia lua. Também escrevo livros infantis e gosto muito desse trabalho. Tenho quatro livros publicados pela Editora Árvore da Vida,  artigos sobre educação e um livro digital publicado pela Saraiva: Josias - pé na cidade, coração no rio. Outros livros estão em andamento! Possuo quatro blogs:

Espero que você goste! Boa leitura!

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Caracterização da criança de três a seis anos:


  1. Nessa faixa etária as crianças se comunicam usando frases completas para dizer o que desejam, o que sentem, para dar opiniões e escolher o que querem.
  2. As crianças são muito criativas, gostam de inventar histórias. A brincadeira de faz-de-conta ajuda a desenvolver o pensamento delas, que agora se apóiam nas idéias e nas palavras.
  3. Elas já são capazes de imaginar além do que estão vendo. As famílias devem convidar as crianças a contarem suas histórias.
  4. Têm mais domínio sobre suas ações e movimentos e permanecem mais tempo brincando em atividades que exigem atenção, como encaixe de pequenas peças, recorte, colagem, desenho.
  5. Sua habilidade de ouvir e sua atenção aumentaram.
  6. Já sabem segurar lápis, gravetos e desenhar formas que parecem sol, bonecos, casas. Pelo desenho, elas expressam o que veem e sentem.
  7. Esse é o primeiro passo no aprendizado da leitura e da escrita.
  8. O pensamento e a linguagem das crianças estão se tornando mais complexos. As crianças se expressam com mais clareza. Aumentam rapidamente seu vocabulário.
  9. Fazem muitas perguntas. Querem saber "como" e "por quê".
  10. Possuem duas características: o egocentrismo - querem ser o centro das atenções - e o narcisismo- a necessidade de serem admiradas.
  11. Não diferenciam bem entre a realidade externa e os produtos da sua fantasia infantil.
  12. Desenvolvem o sentido do "eu".
  13. Têm mais noção de limites (meu/teu/nosso/certo/errado).
  14. Tempo não tem significação e a vida é o momento presente.
  15. Precisam de imagens para completar, ou sugerir os textos; as palavras devem corresponder às figuras.
  16. Entendem textos curtos e elucidativos.
  17. Para ela os objetos são dotados de vida e vontade.
Aline Caetano Begossi