Quem sou eu

Minha foto

Olá! Sou professora de Educação Especial da Secretaria Municipal de Educação de Campinas e trabalho com inclusão escolar na rede regular de ensino, desde 2003. Atualmente atuo na Sala de Recursos Multifuncionais, fazendo o Atendimento Educacional Especializado para crianças com deficiência, TGD e altas habilidades no contra turno da escola regular. Sou casada, tenho dois filhos pequenos (meus ruivinhos lindinhos) e um cachorro fofo. Nossa família é cristã e sempre se reúne para orar, ler a Bíblia e fazer estudos bíblicos com as pessoas. Gosto muito de ler, cantar, tocar violão, meia lua. Também escrevo livros infantis e gosto muito desse trabalho. Tenho quatro livros publicados pela Editora Árvore da Vida,  artigos sobre educação e um livro digital publicado pela Saraiva: Josias - pé na cidade, coração no rio. Outros livros estão em andamento! Possuo quatro blogs:

Espero que você goste! Boa leitura!

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Vida Saudável! Maio de 2012

 Atividade realizada na EAV com crianças, jovens e adolescentes para fortalecimento da fé e conhecimento da Palavra de Deus.
Essas fotos e o vídeo mostram a oficina de jogos e brincadeiras realizadas com os de 9 a 15 anos, com o objetivo de fixar a Palavra de Deus de maneira saudável.Todas as atividades foram propostas pelo irmão Rafael Lançoni.




Vídeo do Pique Bandeira  Gigante





  

JOGO 4: CAMPO 4: RESPONSÁVEL: DEIVITON WEBERTH

Quebra-Cabeça de Balões

TEMPO: 15 MINUTOS
Materiais:
  • 20 bexigas qualquer cor (já tem na EAV).
  • 10 Papéis Azuis e 10 Vermelhos, com 6 cm x 3 cm.
  • Barbante (já tem na EAV)

Preparação:

  • Escrever partes de um versículo em 20 papéis - cada versículo em uma série de vinte papéis.
  • Colocar esses pedaços de papel dentro das bexigas (com número exato de participantes de cada equipe). Caso sobrem papéis, pode colocar mais de um papel em cada bexiga.
  • Peça para que cada participante encha seu balão, coloque o papel dentro e amarre a boca da bexiga.
  • Amarre o barbante na boca da bexiga
  • Amarre o barbante com a bexiga no tornozelo dos participantes (pode pedir para eles se ajudarem.
  • No JÁ os participantes tentam estourar os balões dos adversários, pisando neles. A equipe que montar primeiro o versículo que estava dentro dos balões oponentes, vence.





JOGO 2: CAMPO 2. CAÇADA AO VERSÍCULO
TEMPO: 15 MINUTOS
Materiais:
  • Bíblia
  • Um pano, do tamanho de um lenço colocado no chão, entre as duas equipes e o monitor recreativo.
  • Versículos-base: Mensagem 1 (usar a estes, de preferência).
  • Rm 1:1-6; 1 TS 2:9-12; 1 Pe 5:10; Lu 10:38-42; Rm 8:26-30; Ef. 1:1-4; Jo 8:47; Ef 4:17-24; Ef. 4:1-6; Lucas 15:3-7; 2 Pedro 3:9;
  • Versículos-base: Mensagem 2 (caso somente os de cima não sejam suficientes) Jo 6:53-57; Jo 1:1-14; Mt 4:1-10; Ef 6:14-18; Rm 10:17; 2 Tm 3:16; Rm 12:1-2; Tg 1:23; Rm 8:29; 2 Tm 1:13; Filipenses 1:27; Colossenses 1:10; 1 Ts 2:12-13.
Cada jovem deve ter uma Bíblia e todos começam sentados.
Comece a ler o versículo, e não pare de ler o texto até que alguém o encontre na sua Bíblia, corra, pegue a bandeira (lenço) e comece a ler junto.
Acerta quem continuar a leitura do versículo e disser a referência.
A equipe vencedora será aquela que marcar mais pontos, ou seja, achar mais versículos.




JOGO 3: CAMPO 3: QUADRA COBERTA. RESPONSÁVEL: LUCAS ONGARATO

Vôlei de Lençol

TEMPO: 15 MINUTOS

EQUIPES:
Materiais:
  • 2 TNT Escuro de 4 m x 2 m (tem na EAV)
  • 2 lençois
  • Bexigas
  • 2 Baldes para as bexigas cheias
  • Panos para enxugar a quadra (para não escorregar)

Como o vôlei, porém com lençol. Ganha a equipe que marcar mais pontos.







JOGO 1: CAMPO 1. RESPONSÁVEL GISELE LUCIANO
GUARDAR A PALAVRA.
TEMPO: 15 MINUTOS
Materiais:
  • 40 bexigas– (tem na EAV)
  • 2 Rolos de fita adesiva (do tipo que se usa para embalar caixas).
  • 20 Papéis azuis e vermelhos, com 6 cm x 3 cm.
  • Escrever partes de um versículo em cada um dos papéis, de maneira que cada versículo se forme com 20 papéis (exatamente).
  • 2 alfinetes
Deixe as equipes em fila. Cada equipe escolhe um voluntário, que será o “grudento” do jogo, que terá enrolado em volta de si, da cintura para cima (inclusive os braços – abertos), fita adesiva com o lado grudento para fora! Divida um número idêntico de balões vazios entre as equipes.
No JÁ, o primeiro participante da fila enche o balão, amarra (para amarrar pode contar com ajuda de outro participante da mesma equipe), e faz o circuito:
1)      andar em zigue-zague no campo com o balão em cima da mão (sem segurar na boca da bexiga), equilibrando, sem deixar cair. Se cair, pegar o balão e voltar ao ponto de partida.
2)      Colar o balão no “grudento”
3)      Continuar o processo, um participante por vez.
Quando a primeiro equipe tiver colocado os 20 balões no “grudento”, o monitor de jogos deve estourar os balões com alfinete, contando bem alto o número de balões que está estourando, com a ajuda da equipe (para a outra equipe ouvir).
Ao término, a equipe deve recolher todos os papéis que caíram dos balões e formar o versículo.  A equipe que falar o versículo completo primeiro (com a referência) ganha.






 





JOGO 5: CAMPO  TOTAL
TEMPO: 30 A 40 MINUTOS

EQUIPES:
1+2+3+4 = EQUIPE AZUL
X
5+6+7+8 = EQUIPE VERMELHA

Materiais:
  • Um TNT de 1m x 0,5 m AZUL e outro de mesmo tamanho na cor VERMELHA.
  • Barbante
  • Um pedaço de bambu para prender a bandeira
  • 40 Faixas de TNT Vermelho e 40 de AZUIS para cada participantEe
Monitores Recreativos necessários:
1 para exercer função de fiscal e juiz do jogo
2 para as prisões ( 1 para cada)
2 próximos de cada bandeira
8 no mínimo para proteger os arredores dos campos e fiscalizar. Proteger para que os jovens não ultrapassem o ambiente demarcado e fiscalizar qualquer irregularidade.
Essa brincadeira será feita contando com todas as equipes juntas e com todos os monitores recreativos, além da ajuda dos monitores de jovens.
Dividiremos o local em dois territórios, com limites. Limites podem ser estradas, cercas, trilhas, riachos, árvores (iremos demarcar no dia). Prepare duas “bandeiras” através dos TNT e dê uma para cada EQUIPE.

Coloque cada time em seu território.

Partindo da divisória de territórios, os times têm até 300 passos para caminhar e então colocar a bandeira no solo. Deve ser um local visível a pelo menos algum lugar a 15 metros de distância da bandeira, mas que não precisa ser diretamente visível de outras direções (vale o bom senso).

Depois dos monitores recreativos avaliarem a posição da bandeira (se está em posição justa) o jogo começa. O objetivo dos jogadores é capturar a bandeira do outro time e trazê-la a salvo até seu próprio território.

Quando um jogador entra em território inimigo, pode ser capturado: basta que um jogador inimigo encoste nele. Nesse caso, pode acontecer o seguinte:
  • o jogador pego cai fora do jogo (para jogos mais rápidos)
  • o jogador pego é levado para a “prisão” (um local escolhido no território para onde vão os capturados.)Quando um jogador capturar um inimigo, deve segurá-lo e levá-lo até a prisão.
Se soltá-lo no meio do caminho (digamos, para perseguir um outro inimigo) o que havia sido capturado está livre. Porém é proibido simplesmente resolver fugir! É possível prender até dois presos por vez (segurá-los com as duas mãos). Um prisioneiro já capturado, entretanto, não precisa colaborar para permitir ao seu detentor correr atrás de outro inimigo.
Os jogadores podem libertar os presos ao ir ao território inimigo, na prisão, e tocá-los (vários prisioneiros podem ser libertados de uma só vez). Porém, o prisioneiro liberto poderá ser preso novamente por jogador oponente a partir do momento em que saiu da prisão.
Se alguém que já capturou a bandeira for pego, a bandeira volta para a base e o jogador é conduzido à prisão.
Pode haver participantes guardando sua bandeira, porém eles não podem chegar a menos de 5 metros da própria bandeira. (Advirta o pessoal de que colocar gente demais guardando a bandeira revela o local onde ela está).
Portanto, se um jogador inimigo conseguir chegar a até menos de 5 metros da bandeira ele não pode ser capturado; porém no momento que sair desse raio de alcance, pode ser capturado.
Quando alguém capturar a bandeira e voltar são e salvo ao próprio território, o time venceu o jogo!
Se houver muitos presos e o jogo começar a trancar, o juiz pode gritar “Prisão Aberta”! Então todos presos do jogo são libertos.

FOTOS:


RESUMO DOS EQUIPES X CAMPO

CAMPO 1: GUARDAR A PALAVRA
MOMENTO
EQUIPES
1: 1ºs 20 MIN
1  X  2
2: 2ºs 20 MIN
7  X  5
3: 3ºs 20 MIN
3  X  6
4: 4ºs 20 MIN
4  X  8


CAMPO 2: CAÇADA AO VERSÍCULO
MOMENTO
EQUIPES
1: 1ºs 20 MIN
3  X  4
2: 2ºs 20 MIN
6  X  1
3: 3ºs 20 MIN
2  X  8
4: 4ºs 20 MIN
5  X  7


 CAMPO 3: VÔLEI DE LENÇOL
MOMENTO
EQUIPES
1: 1ºs 20 MIN
5  X  6
2: 2ºs 20 MIN
8  X  2
3: 3ºs 20 MIN
7  X  4
4: 4ºs 20 MIN
3  X  1


CAMPO 4: QUEBRA-CABEÇA DE BALÕES

MOMENTO
EQUIPES
1: 1ºs 20 MIN
7  X  8
2: 2ºs 20 MIN
4  X  3
3: 3ºs 20 MIN
1  X  5
4: 4ºs 20 MIN
6  X  2