Quem sou eu

Minha foto

Olá! Sou professora de Educação Especial da Secretaria Municipal de Educação de Campinas e trabalho com inclusão escolar na rede regular de ensino, desde 2003. Atualmente atuo na Sala de Recursos Multifuncionais, fazendo o Atendimento Educacional Especializado para crianças com deficiência, TGD e altas habilidades no contra turno da escola regular. Sou casada, tenho dois filhos pequenos (meus ruivinhos lindinhos) e um cachorro fofo. Nossa família é cristã e sempre se reúne para orar, ler a Bíblia e fazer estudos bíblicos com as pessoas. Gosto muito de ler, cantar, tocar violão, meia lua. Também escrevo livros infantis e gosto muito desse trabalho. Tenho quatro livros publicados pela Editora Árvore da Vida,  artigos sobre educação e um livro digital publicado pela Saraiva: Josias - pé na cidade, coração no rio. Outros livros estão em andamento! Possuo quatro blogs:

Espero que você goste! Boa leitura!

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Como ensinar a Bíblia para as crianças. Mateus 9:18-38. Crianças de 9-11 anos.

Continuando as postagens com sugestões de como ensinar a Bíblia para as crianças, chegamos na passagem de Mateus 9: 18-38

  • Roda de conversa como foi a semana e pedidos de oração.
  • Oração: um a um, na ordem em que estão sentados.Todos devem orar, pelo menos uma frase. 
  • Leitura da palavra: Mateus 9:18-38

18 Enquanto estas coisas lhes dizia, eis que um chefe, aproximando-se, o adorou e disse: Minha filha faleceu agora mesmo; mas vem, impõe a mão sobre ela, e viverá.
19 E Jesus, levantando-se, o seguia, e também os seus discípulos.
20 E eis que uma mulher, que durante doze anos vinha padecendo de uma hemorragia, veio por trás dele e lhe tocou na orla da veste;
21 porque dizia consigo mesma: Se eu apenas lhe tocar a veste, ficarei curada.
22 E Jesus, voltando-se e vendo-a, disse: Tem bom ânimo, filha, a tua fé te salvou. E, desde aquele instante, a mulher ficou sã.
23 Tendo Jesus chegado à casa do chefe e vendo os tocadores de flauta e o povo em alvoroço, disse:
24 Retirai-vos, porque não está morta a menina, mas dorme. E riam-se dele.
25 Mas, afastado o povo, entrou Jesus, tomou a menina pela mão, e ela se levantou.
26 E a fama deste acontecimento correu por toda aquela terra.
27 Partindo Jesus dali, seguiram-no dois cegos, clamando: Tem compaixão de nós, Filho de Davi!
28 Tendo ele entrado em casa, aproximaram-se os cegos, e Jesus lhes perguntou: Credes que eu posso fazer isso? Responderam-lhe: Sim, Senhor!
29 Então, lhes tocou os olhos, dizendo: Faça-se-vos conforme a vossa fé.
30 E abriram-se-lhes os olhos. Jesus, porém, os advertiu severamente, dizendo: Acautelai-vos de que ninguém o saiba.
31 Saindo eles, porém, divulgaram-lhe a fama por toda aquela terra.
32 Ao retirarem-se eles, foi-lhe trazido um mudo endemoninhado.
33 E, expelido o demônio, falou o mudo; e as multidões se admiravam, dizendo: Jamais se viu tal coisa em Israel!
34 Mas os fariseus murmuravam: Pelo maioral dos demônios é que expele os demônios.
35 E percorria Jesus todas as cidades e povoados, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino e curando toda sorte de doenças e enfermidades.
36 Vendo ele as multidões, compadeceu-se delas, porque estavam aflitas e exaustas como ovelhas que não têm pastor.
37 E, então, se dirigiu a seus discípulos: A seara, na verdade, é grande, mas os trabalhadores são poucos.
38 Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a 

  • O adulto lê o texto, enquanto eles acompanham nas suas Bíblias. Depois sugiro a releitura do texto, deixando que cada criança leia um versículo.
  • Pergunte o que eles entenderam, o que não entenderam, se alguém sabe responder...Explique os  pontos centrais desses versículos, mostrando que as pessoas são como ovelhas sem pastor e estão aflitas porque precisam de Cristo. Mostre a inveja dos fariseus e o quanto suas regras rígidas não ajudavam o povo. Fale em especial do versículo 37 e 38 mostrando que se a seara é grande, nós devemos nos entregar ao serviço, como trabalhadores do Senhor, cooperando com a pregação do evangelho e o apascentamento das pessoas. E que devemos orar para que o Senhor levante mais irmãos com o coração de pregar e cuidar das pessoas.

  • Sugiro de atividade que você divida as crianças em três grupos. Cada grupo representará um milagre. Os grupos apresentarão uns para os outros. Dê tempo para que eles se preparem e enquanto eles ensaiam, passe de grupo em grupo conversando sobre o sentimento dos personagens, o como expressar a situação em que eles estavam, o como falar. Exemplo: a criança que representar a mulher com hemorragia, deverá fazer numa expressão corporal de temor e ao mesmo tempo admiração pelo Senhor, pois foi com receio e escondida que ela tocou na veste Dele. Trabalhe esses aspectos psicológicos dos personagens, como o desespero e esperança do pai que perdeu a filha e creu na cura do SENHOR ou ainda, como o cego reagiu ao passar a ver. Pergunte para as crianças: 
          - Se você fosse cega e passasse a enxergar, como reagiria? Mostre para mim.
Os grupos:
1- A mulher com hemorragia v 20-22
2- A ressurreição da filha do chefe 18- 19, 23-26
3- a cura dos dois cegos 27-31

Abraços! O Senhor abençoe vocês no serviço ricamente!


-- 
Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida. Provérbios 4:23